Forks Planet

Bem-vinda(o) ao Forks Planet, o melhor fórum português da Saga Twilight. Entra e diverte-te nos nossos jogos de RPG ou informa-te sobre os teus personagens favoritos!

    Odio? Sei lá...

    Compartilhe
    avatar
    rafa09932
    A Chegar a Forks
    A Chegar a Forks

    Mensagens : 21
    Data de inscrição : 22/06/2010

    Odio? Sei lá...

    Mensagem por rafa09932 em Qua Set 01, 2010 12:57 am

    Capitulo 1. O Passeio



    Bella P.D.V



    Eram nove horas e eu já estava de pé. Estava feliz de mais para dormir, tinha tanto a fazer no meu primeiro dia de férias que me perdi em pensamentos até ser interrompida por batidas na porta do meu quarto.



    TOC, TOC, TOC...



    _ Quem é? _ Perguntei.



    _ Bella, papai me mandou acordar todo mundo, ele quer falar com a gente, desce logo!_ Era Alice minha irmã do meio, mas só por alguns meses de diferença.



    _ Já vou!_ Respondi já indo pra porta.



    Quando cheguei lá embaixo era praticamente a visão do inferno. Meu pai grudado na baranga da Esme Cullen, aquelazinha que ele namora há um ano e diz que ama.



    _ Ai fala serio, isso logo de manhã ninguém merece neh?_ Disse olhando bem na cara da baranga e nessa hora percebi o olhar assassino do meu pai pra mim, apesar de Carlisle ser lindo de dar inveja aquele olhar era assustador.



    _ Bom dia Bella! _ Disse a baranga sendo educada.



    _ Pra você é Isabella. _ Eu disse fria, apesar de odiar que me chamem de Isabella, qualquer chance de intimidade com aquelazinha me arrepiava toda.



    Sentei-me no sofá ao lado de Rosalie, minha irmã mais velha e Alice, Rose tinha a expressão indiferente já Alice tava toda curiosa.



    _ Bom, preciso falar com vocês. _ Disse meu pai e depois parou e fitou Esme, ela acenou com a cabeça para que ele continua-se.



    _ Bom... _ Ele continuou. _ Já que vocês estão de férias e os filhos de Esme também. Nós decidimos ir passar as férias na Califórnia.



    _ Que bom! _ Disse Rosalie. _ E vamos ficar sozinhas?



    _ Não querida!_ Disse meu pai.



    _ Então o que?_ Perguntei temendo a resposta.



    _ Vamos todos juntos, vai ser ótimo. _ Disse ele olhando com doçura pra Esme. ECA!



    _ Mas nem morta. _ Disse já me pondo de pé. _ Eu não vou assar minhas férias todas com essa gente. _ Disse apontando pra lambisgóia.



    _ Bella! _ Meu pai me repreendeu.



    _ Pai! _ Eu disse no mesmo tom.



    _ Bella não vou me estressar com você, já esta decidido. E não reclame tanto, você tem muitos amigos na Califórnia.



    _ Amigos que eu não vejo há anos. _ Retruquei.



    _ Bella, outro dia mesmo Jacob te ligou. _ Disse Alice. _ Eu quero ir!



    Eu não estava acreditando minha própria irmã, que traidora.



    _ Eu também quero! _ Disse Rose.



    Ta legal agora eu só posso ta surtando. Tudo bem que Alice estava certa sobre Jacob ele era um grande amigo e já tinha dezoito anos, seria bom revê-lo, mas não com a baranga e a familiazinha dela, só aquele pensamento já me deixava enjoava.



    _ ARGH! _ Eu disse, e em seguida subi as escadas para o meu quarto.



    Eu queria gritar ate morrer, queria quebrar tudo, como meu próprio pai podia fazer aquilo comigo. Bom, pelo menos ele me deixou sozinha.



    TOC, TOC, TOC...



    Droga. Pensei cedo de mais.



    _ Isabella, abre já essa porta! _ Disse meu pai serio.



    _ Vai embora!



    _ Isabella! Abre.



    Eu fui abrir a voz do meu pai tava tão nervosa que parecia ate que ele ia ter um avc. Eu parei com a porta aberta o fitando.



    _ Que piti foi aquele? _ Ele disse ainda nervoso.



    _ Não sei do que você ta falando. _ Dei de ombros, não queria que meu pai brigasse comigo.



    _ Ótimo então já esqueceu? Que beleza, então só vou te lembra da parte boa, arrume suas malas partiremos amanha para Califórnia no vôo das 15h00min.



    _ ARGH! _ Quase gritei.



    _ E, ante que eu me esqueça, Esme trará s meninos para jantar quero que vocês os conheçam.



    _ Hoje não posso! _ Disse e eu pai me olhou meio incrédulo.



    _ E por quê? _ Ele disse.

    _ Combinei de sair com Jéssica e uns outros amigos.



    _ Bom Bela _ Ele disse recuperando a calma. _ É bom que esteja aqui para jantar.



    _ Depois posso sair? _ Perguntei fazendo carinha de inocente.



    _ Desde que volte cedo! _ Ele disse me dando as costas.



    Bom, eu sei que é errado, mas considerado o duplo sentido da frase eu estaria em casa bem cedo.



    Jéssica é uma amiga que eu tenho há anos, nós fazemos de tudo juntas desde bagunça ate a detenção. Naquela noite estava combinado de irmos eu, ela, Ângela, Bem e Mike, outros amigos nossos, a um racha. Eu sei que ilegal, mas cara eu amo rachas eles são completamente divertidos e devo confessar que já até corri em alguns, se ganhei? CLARO NEH! E cara eu tenho que confessar que a graninha é boa.



    ...





    Já eram sete horas e o jantar estava marcado pras sete e meia. Rose não saía do banheiro e Alice estava ajeitando a gravata do papai, que estava lindo. Alice usava um vestido verde não muito social e uma sandália preta de tirinhas. Eu estava normal mesmo, afinal ficou combinado de Jéssica me buscar as 21:00 horas, eu usava uma saia jeans, um all star preto, uma camisa branca e uma jaqueta de couro preta.



    Alice terminou de ajeitar nosso pai e veio se sentar ao meu lado no sofá. Nessa hora Rose desceu as escadas. Ela estava... Linda, usava um vestido vermelho acima dos joelhos e sandálias quase no mesmo tom, o que combinava perfeitamente com ela.



    _ Exibida! _ Murmuramos eu e Alice ao mesmo tempo.





    Rose sentou-se ao nosso lado e minutos depois a campanhinha tocou, meu pai atendeu e adivinhem só quem era? Lógico a mocreia da Esme acompanhada dos três patetas.



    _ Sejam bem-vindos! _ Disse meu pai, acenando para que todos entrassem.



    Em poucos segundos estavam todos na sala. Eles entraram um após o outro, e apesar de me doer muito devo confessar que os filhos da baranga eram perfeitamente lindos, cada um do seu jeito. Quando os três entraram meu pai começou as apresentações.



    _ Meninas estes são Jasper, Emmett e Edward. _ Os três acenaram com a cabeça a medida que ouviam seus nomes. _ E meninos essas são Alice, Bella e Rosalie. _ Nós imitamos o mesmo movimento.



    Feitas as apresentações meu pai se dirigiu a sala de jantar levando a mocreia com ele e nos deixando sozinhos. O silencio então tomou a sala por alguns segundos ate que:

    _ Senten-se. _ Disse Alice apontando o sofá a nossa frente, os três sentaram e ficamos lá olhando um pra cara do outro por um longo tempo.



    _ Quantas horas?_ Perguntou Alice olhando pra mim.



    _ 20:00. _ Respondi com o celular na mão. Foi aí que percebi, eu e minhas irmãs nos olhamos por um longo tempo ate que:



    _ Show MTV! _ Dissemos em coro.



    Eu corri para ligar a TV, eu sei meio anormal, mas nós não perdíamos um show MTV e hoje ia ser com o simple plam, cara eu adoro eles não dava pra perder.



    Quando liguei a TV, já estava passando, eles estavam cantando perfec.



    _ Ai que lindo! _ Disse Rose já de pé ao meu lado.



    _ Perfeito! _ Disse Alice ao lado dela.



    _ Olhem meu sonho de consumo! _ Disse apontando pra guitarra de um dos músicos.



    _ Oito horas, essa casa para as oito! _ Disse meu pai surgindo na porta, foi aí que nos viramos e nos deparamos com os três patetas nos encarando como se fossemos retardadas. Cara, eles nem tinham nos visto a gente pular ou cantar, bom pelo menos não ainda.



    _ Vocês gostam de simple plan? _ Perguntou o tal do Emmett.



    _ Amamos! _ Respondemos em coro.



    _ Você não gosta? _ Perguntou Rose a ele.



    _ Mais ou menos.



    _ Já é um começo. _ Disse Alice.



    _ Meninas dêem um tempo e vamos todos jantar. _ Disse meu pai.



    Estávamos todos a mesa comendo e as traidoras que eu chamo de irmãs estavam até se enturmando com os idiotas dos Cullens. Foi aí que graças a Deus meu celular tocou. Todos me olharam.



    _ Licença! _ Eu disse saindo da mesa, era Jéssica, ela já devia estar me esperando.



    _ Alo?



    _ Bella, sai logo dessa casa!



    _ Eiita, calma já to indo. _ Disse rápido e desliguei, voltando a mesa para avisar meu pai que estava saindo.

    _ Pai, já vou ta?



    _ Não quer sobresa?



    _ Não, valeu.



    _ Mãe também já vou. _ Disse o abestardo do Edward se levantando.



    _ Tudo bem não chegue tarde. _ Disse a songa monga.



    _ Boa noite a todos _ Ele disse tomando a minha frente e saindo.



    _ Bye, bye! _ Eu disse acenando.



    _ Juízo! _ Ouvi meu pai gritando atrás.



    Chegando lá fora vi o Cullen parado de frente a casa e nada de Jéssica ou qualquer outra alma viva na rua. Na mesma hora peguei o celular do bolso e disquei o numero de Jéssica.



    _ Alo? _ Era a voz dela.



    _ Cadê você? _ Disse e percebi o Cullen se sobressaltar e virar pra mim, quando ele viu que eu estava falando no celular voltou a olhar pra frente.



    _ Desculpe Bella! Vou demorar um pouco, chegamos aí em us dez minutos.



    _ Ta bom, thau. _ Disse desligando o celular.



    Nessa hora eu tinha duas opções, voltar pra dentro de casa e morrer de tédio olhando pra cara da lambisgóia ou ficar ali fora esperando Jéssica e olhando o Cullen. Bom, fiquei com a segunda opção, porque realmente a baranga já tinha me irritado muito por hoje.



    Sentei-me em um dos degraus da entrada da casa e fiquei olhando a rua.



    _ Esperando carona? _ Perguntei o Cullen.



    _ Sim. _ respondi fria e educadamente.



    _ Bella, certo? _ Ele disse me olhando com a mão estendida. _ Sou Edward.



    _ É eu sei. _ Respondi apertando sua mão, ela era macia e máscula ao mesmo tempo e por um segundo eu não queria solta-la.



    _ Ta quente hoje né? _ Ele disse olhando a rua de novo.



    Cara eu não acredito que ele tava falando sobre clima comigo só pra puxar assunto, eu tinha que cortar aquilo.



    _ Olha eu não gosto de você então, por favor, para de puxar assunto.



    _ Bom garota eu também não gosto de você, mas um de nos tem que ser educado pelo menos.



    _ Eu não sou sem educação. _ Disse nervosa, e quem era ele pra falar aquilo, ele também não gostava de mim.



    _ Ah não, então me diz por que você não gosta de mim? _ Disse ele me olhando.



    _ Garoto, vai se fude! _ Disse seria, foi aí que ouvi a buzina do carro de Mike na rua, logo fui correndo pra lá, queria mais que depressa me livrar daquele Cullen idiota.



    _ Me deve uma resposta Isabella! _ Ele gritou.



    _ Aqui a sua resposta! _ Gritei de volta fazendo um gesto com meu dedo do meio, o idiota então começou a rir.



    Caramba, como uma pessoa só podia me causar tanto ódio ao mesmo tempo.



    Bom, mais ele não estragou minha noite. Fui ao racha, gritei muito, bebi pouco e ri mais ainda, só fiquei triste porque o carinha que ganhou saiu logo com o dinheiro e nem deu pra saber se ele era gato ou não.



    Eu cheguei meia noite em casa, morta de cansada, todos já estavam dormindo e eu fui fazer o mesmo, pois amanhã ia ser o dia do vôo pro inferno.











    Eu acordei já era meio dia, minhas malas já estavam prontas, claro que contra minha vontade, e pra piorar ainda mais aquele dia, se é que tinha como, eu acordei com a musica do planta e raiz na minha cabeça. Sabe não que eu odeie nem nada, eu ate gosto, as que dia pra acordar com uma musica alegre na cabeça.



    Bom às horas passaram como segundos e quando dei por mim estava num avião sentada no meio das minhas irmãs. Os três idiotas estavam sentados a nossa frente e meu pai e a mocreia algumas poltronas na frente deles. Já era 16:00 horas e eu não tenho a mínima idéia de quantas horas tem o vôo, mas eu tenho certeza de uma coisa, estava completamente entediada, foi ai que comecei a cantarolar a tal musica que não saía da minha cabeça:



    _ Te ver e não te querer é improvável é impossível, te ter e ter que esquecer é insuportável dor incrível.

    Te ver e não te querer é improvável é impossível, te ter e ter que esquecer é insuportável dor incrível.



    _ É como mergulhar no rio e não se molhar. _ Completou Alice.

    _É como não morrer de frio no gelo polar. _ Cantou Rose.



    _ É ter o estomago vazio e não almoçar. _ Cantei e quando dei por mim já estávamos cantarolando a musica toda em pleno vôo.



    _ Da pra parar com essa bagunça aí? _ Disse o irritante do Edward o que é claro só me fez cantar ainda mais alto e agora chutando a poltrona dele.



    _ Te ver e não te querer é improvável é impossível, te ter e ter que esquecer é insuportável dor incríveeellll, ah aaahhh ah ah ah .



    _ Thu thuru Thu Thu ruru! _ Cantarolou o tal do Emmett no final da musica, o que fez com que eu e minhas irmãs caíssemos na gargalhada.



    Edward P.D.V



    Eu não estava acreditado naquilo, meu próprio irmão cantarolando aquela musiquinha.



    _ Ninguém merece! _ Exclamei, murmurando para mim mesmo.



    Não acredito que tenho que ir nessa viagem idiota. Bom, pelo menos eu estou indo para a Califórnia, tomara que eu consiga dar uns perdidos na minha mãe e me divertir um pouco.



    _ Vocês viram a Bella por aí? _ Era a anã de jardim da Alice e tirando da linha de pensamentos.



    _ Não! _ Respondemos os três pra ela.



    _ Que foi, perdeu a pirralha? _ Perguntei zombando.



    _ Se tem amor a vida não a chame assim. _ Disse Rosalie que agora estava ao lado de Alice, e cara como ela era bonita.



    _ Caramba, onde essa garota se meteu? _ Disse Alice com as mãos na cabeça.



    _ Fica calma Alice! Já olhou no banheiro? _ Disse Jasper afagando o braço de Alice. Pera aí, é impressão minha ou ta rolando um climinha entre esses dois?



    _ Eu já olhei lá Jasper. _ Ela disse o olhando.



    _ Procurando alguém? _ Perguntou a pirralha aparecendo ao lado das irmãs.



    _ Onde você estava?



    _ Relaxa Alice, eu só fui dar uma voltinha na primeira classe.



    _ O que?_Disse Rosalie.



    _ Gente da próxima vez a gente tem que ir na primeira classe, lá é simplesmente de mais. _ Nessa hora não guentei segurar, comecei a rir e todos me acompanharam.





    Bella P.D.V



    Depois da minha mini aventura e de um pequeno sermão de Alice e Rose, nos estávamos finalmente pousando.



    Eu me agarrei nas duas sentadas ao meu lado, eu sei que é bobeira, mas eu morro de medo dos pousos então tenho que me agarrar em alguém.



    Assim que descemos no aeroporto e fomos chamar um táxi, tive outra visão do inferno meu pai agarradinho com aquela lambisgóia, foi ai que a ficha caiu, a não ser que acontecesse algo muito bom, toda aquela viagem ia ser uma visão do inferno.
    avatar
    Annia Cullen
    Administradora
    Administradora

    Mensagens : 361
    Data de inscrição : 20/08/2010
    Idade : 21
    Localização : Porto

    Re: Odio? Sei lá...

    Mensagem por Annia Cullen em Qua Set 01, 2010 12:02 pm

    Odio pela Esme? Shocked
    O texto tá bem escrito e no fundo até gostei...
    Mas, como é que alguém pode odiar Esme? Ela é uma pessoa tão boa, solidária e tudo...
    Mas para uma fic está interessante! E mais do que tudo inesperada! Acho que ninguém imaginava pôr a Esme como 'lambisgóia'.
    xD
    Kiss


    ______________________________________________________
    ''Amares aquele que te matava, deixava-te sem qualquer opção. Como poderias fugir ou lutar, se ao fazê-lo magoarias o teu amor? Se a tua vida era tudo o que tinhas para dar, como recusá-la a alguém que amavas verdadeiramente?” - Amanhecer
    avatar
    Katinha Pattinson
    Mestre de RPG
    Mestre de RPG

    Mensagens : 537
    Data de inscrição : 26/09/2009
    Idade : 29
    Localização : Junto aos Cullen

    Re: Odio? Sei lá...

    Mensagem por Katinha Pattinson em Qua Set 01, 2010 3:09 pm

    Achei bom, só não gostei da forma do ódio. E também esta muito longo.
    avatar
    rafa09932
    A Chegar a Forks
    A Chegar a Forks

    Mensagens : 21
    Data de inscrição : 22/06/2010

    Re: Odio? Sei lá...

    Mensagem por rafa09932 em Qui Dez 16, 2010 1:22 am

    Irei excluir a fic, é so descobrir com excluir muhauahuahahaha

    Conteúdo patrocinado

    Re: Odio? Sei lá...

    Mensagem por Conteúdo patrocinado

      Tópicos similares

      -

      Data/hora atual: Sex Ago 18, 2017 9:23 pm