Forks Planet

Bem-vinda(o) ao Forks Planet, o melhor fórum português da Saga Twilight. Entra e diverte-te nos nossos jogos de RPG ou informa-te sobre os teus personagens favoritos!

    Tu Pertences'me!

    Compartilhe
    avatar
    Claudiaa Furtado
    Em La Push
    Em La Push

    Mensagens : 26
    Data de inscrição : 03/02/2010
    Idade : 24
    Localização : Ilha da Madeira; Funchal --'

    Tu Pertences'me!

    Mensagem por Claudiaa Furtado em Seg Fev 08, 2010 2:49 am

    Well, Sou novataa nisto, por isso. Não é assim uma fic, perfeita. Mas espero que gostem (; (a fic, é assim com o contexto da saga*)



    PREFÁCIO

    Como foi possível ve’la morrer, sem nada ter feito. Como fui estupida, em ter deixado aquilo chegar onde chegou?
    Ela não tinha culpa, nunca teve. Eu é que devia ter morrido em vez, dela, EU.
    Agora estou só, no meu canto, até tu teres aparecido.
    Tu mundas’te a minha vida. A tua maneira de falar, de sorrir, de ver o lado das coisas, és unico.
    Mas será que sou diguena de ti?
    Tu sicratizas’te a minha feridaa, o buraco que tinha em mim, simplesmente desapareceu. Porque tu estávas sempre lá.
    Diz’me logo que segredo é esse, porque corro perigo se estiver contigo, se tu só me fazes bem? É isso que não percebo, dizes que me amas, mas que não podemos ficar juntos? Porque? Porque?
    Tantas perguntas sem respostas.
    Seráa que algum diaa saberei??

    avatar
    Juana
    Na Clareira
    Na Clareira

    Mensagens : 197
    Data de inscrição : 10/01/2010
    Idade : 21
    Localização : Porto

    Re: Tu Pertences'me!

    Mensagem por Juana em Seg Fev 22, 2010 1:18 am

    ta muito giro...
    a tua fic é do ponto de vista de quem??
    avatar
    Claudiaa Furtado
    Em La Push
    Em La Push

    Mensagens : 26
    Data de inscrição : 03/02/2010
    Idade : 24
    Localização : Ilha da Madeira; Funchal --'

    Re: Tu Pertences'me!

    Mensagem por Claudiaa Furtado em Seg Fev 22, 2010 2:06 am

    É do da personagem principal.



    Capitulo Um'

    Memórias


    Flashback
    -Mãee..Nãoo.-Como, como pude deixar aquilo chegar aquele ponto? Como é que ele teve coragem? Como? Tudo por minha culpa. Elaa não tinha culpa nenhuma
    -Vai já para o quarto Sophie-Gritava’me ele ainda agarrando em minha mãe.
    -Por favor filha, vai- Pedia’me ela
    -Mas mãe..
    -Vai porfavor, .
    Não pude fazer mais nada se não obdecer’lhe. Desde que meu pai tinha perdido o emprego era todos os dias a mesma coisa. Brigava com minha mãe, por coisas que fazia, mas não era com ela que tinha de brigar mas sim comigo.
    Naquela noite, ele não ficou por Brigar.
    -Não. Para estás a maguar’me, Larga’me.
    -Tu e a nossa filha são umas igratas é o que voces são. –Dizia’lhe batendo ainda com mais força.
    Eu no meu quarto apenas com 9 anos chorava, por ouvir, e ver o que o meu pai dizia, ou fazia. Porque que ele fazia aquilo?
    A minha mãe não merecia.
    Sem me dar de conta já era manhã, e estáva um silêncio, profundo naquela casa.
    Fui ao encontro da minha mãe, e deparo’me com uma cena completamento Horrivel.
    Minha mãe deitada no chão, cheia de sangue. Mas que monstro tinha sido aquele, que fizera aquilo a minha mãe? Meu pai? Mas como é que ele tinha sido capaz?
    Estáva em estado de choque, procurei por meu pai pela casa toda, e nem sinal dele, não sabia o que fazer. Porque a minha mãe? Porque?
    Flashback end.
    Fui acordada dos meus pensamento por alguem que me chamava, era Joanna, uma colega de turma. Uma das poucas pessoas que falava.
    -Eii, Sophie. Estás bem?-Perguntava’me preocupada
    -Sim, Porque?
    -Estás branca, e á muito que te chamo.
    -Ai desculpa, estáva aqui nos meus pensamentos. Mas então que se passa?
    -Vinha’te convindar para vires almoçar, connosco.
    -Connosco, Quem?
    -Então eu, Emmet e Elisabete.
    -Ah, hum- Não sabia o que responder, não tinha assim muita vontade de almoçar com eles, mas não conseguia dizer’lhe que não.-Está bem, vamos lá então
    -Boa. Ah sim é verdade, Passei agora pela Srº Maria, e ela disse’me que vem 3 alunos novos para a nossa turma.
    -Alunos novos?
    -Sim. Ela disse que veem do Norte. Os pais vieram para cá trabalhar.
    -Ah.-Sinceramente, não queria ter aquela conversa. Que é que me interessava saber que viriam alunos novos?
    Estáva a começar a chover, então eu e Joanna decidimos, ir andando para a cantina.
    Os outros já lá estávão. E poseram logo conversa.
    Eu pouco falava, não era que eles não fossem boas pessoas, ou não tivesse paxorra para os aturar, Nada disso. Eu é que não falava muito, não sei, não gostava. Eu pensava que quanto menos pessoas conhece’se melhor.
    -Então vocês já sabem dos alunos novos?-dizia Joanna
    -Opa sim, e já vi o mais novo dos irmãos, epa é lindo o miudo-dizia Elisabete
    -Oh, nada se compara com a minha beleza-dizia Emmet,
    Tanto Joanna como Elisabete riram, e eu para dizer que estáva interessada na conversa, dei um pequeno sorriso.
    -Pessoal, se não levarem a mal, vou andando já para a sala.
    -Queres que vá contigo?-perguntava Joanna, sempre simpática.
    -Ah, não deixa estár. Tambem quero estár um pouco sozinha. Mas obrigada na mesma.
    -Oh ainda mais? Tu estás sempre sozinha- Disso o Emmet, Joanna, fez’lhe logo um olhar, de quem diz, “cala’te imbecil”.
    -Emmet-Disse Elisabete-Isso foi desnecessário.-Mas será mesmo que ando assim tão só?
    Bom falo com eles de vez em quando. Isso não chegava?
    -Ai não deixa estar.-disse-Sabes gosto de estár só, pensar na vida, -E fui’me embora. Já não aguentava aquele lugar. Não pior, já não suportava, aquela escola, daquela cidade.
    A sala estáva ainda vazia. Pousei a minha bolsa e fui um pouco até á janela.
    No outro lado, estávam três figuras, sentandas ao pe de uma arvore, nunca os tinha visto, antes. Será que são os alunos novos? Questionáva eu. As suas peles, eram brancas como neve, a beleza de cada um era unica,.


    (Não está grande coisa, /: . Mas espero que gostem!)

    .Beijão
    avatar
    Juana
    Na Clareira
    Na Clareira

    Mensagens : 197
    Data de inscrição : 10/01/2010
    Idade : 21
    Localização : Porto

    Re: Tu Pertences'me!

    Mensagem por Juana em Seg Fev 22, 2010 8:35 pm

    esta lindo...
    escreves muito bem....
    .continua................
    avatar
    Claudiaa Furtado
    Em La Push
    Em La Push

    Mensagens : 26
    Data de inscrição : 03/02/2010
    Idade : 24
    Localização : Ilha da Madeira; Funchal --'

    Re: Tu Pertences'me!

    Mensagem por Claudiaa Furtado em Ter Fev 23, 2010 2:28 am

    Juana escreveu:esta lindo...
    escreves muito bem....
    .continua................

    Muito Obrigada (:
    .Postarei o quanto antes
    avatar
    Claudiaa Furtado
    Em La Push
    Em La Push

    Mensagens : 26
    Data de inscrição : 03/02/2010
    Idade : 24
    Localização : Ilha da Madeira; Funchal --'

    Re: Tu Pertences'me!

    Mensagem por Claudiaa Furtado em Qua Fev 24, 2010 5:50 pm

    Capitulo Dois'

    Aquele Olhar'


    Um dos rapazes, o que tinha a beleza superior, pela descrição feita pela Juanna só podia ser o irmão mais novo, agora olhava’me .O seu olhar, era duro, viciante.
    O Toque suara, quando fui para olhar para a porta, aquela mesma figura, esbelta que estáva sentada ao pé da árvore, agora entrava pela porta.
    Como é que ele conseguiu? Ainda agora o vi com os outros na árvore. Nada daquilo fazia sentido. Será que imaginei?
    O professor entrava agora, sentando’se na sua cadeira.
    Ia ter História, Uma das disciplinas que ainda conseguia despertar alguma da minha atenção.
    -Meninos, silêncio.-Diisse o professor Cristopher-É sempre a mesma coisa.-Olhou para o tal aluno novo-Ohh você deve ser o srº BlackBurn, o novo aluno.
    -Sim.-Acabou por responder, a sua voz era doce, suave e unica. Nunca ouvira nenhuma igual.
    Sentou-se mesmo à minha frente. O estilo dele era diferente! Eu e muitas outras tinhamos os olhos postos nele. Era lindíssimo, sem dúvida. A meio da aula vira-se por completo para tras, assim, sem qualquer explicação. Fiquei assustada!
    Aquele rapaz, que a beleza era única e invejável por tantos estava agora com os olhos postos em mim, aquele olhar arrebatador, profundo, mas com algum receio estava a mexer-me com os nervos. Nunca tinha visto um olhar daqueles, determinado... Era sem dúvida desejável.
    Será que queria alguma coisa? Bom, tambem perguntar não ofende.
    -Desculpa precisas de alguma coisa?-Perguntei com delicadesa
    Ele nada disse, virando’se logo para a frente. Mas será que disse alguma coisa de mal?
    Ali percebi que ele não era de falar. Talvez tambem gosta’se de estar no seu canto como eu.
    Dera o Toque de saida, finalmente iria para casa. Já estáva farta de estar naquelas quatro paredes. Com pessoas que não queria estar, ver ou falar.
    Desde, que minha mãe falecera, e meu pai desaparecera, que tive de me desenrascar, sem a ajuda de ninguem, mas tambem não foi por isso que não consegui. Desde cedo, que tinha outra prespectiva da vida. Não sei se foi bom ou mau.
    Quando sai da sala, o tal rapaz estava sentado na escadas com mais duas pessoas, uma rapariga e um rapaz, os mesmo que estavam na árvore.
    Como o tal pequeno da minha turma, eles eram lindos, Tanto o rapaz como a rapariga eram altos, pele branca, e olhos escuros, a rapariga tinha uns cabelos longos, de cor preta, com uns labios carnudos, o nariz era simplesmente perfeito, e o rapaz tinha seus cabelos castanha e compridos menos dos que a rapariga, o seu corpo, era todo em si bem constituido.
    Alguem me chamava. Era Emmet.
    -Ei.-Disse’me com um sorriso
    -Ei.-desviando o olhar daquelas tres figuras.
    -Só te vinha pedir desculpa pelo aquilo de abucado, foi fora.
    -Na boa, não te preocupes-E dei’lhe um sorriso
    -A serio?
    -Ye. Foi na boa
    -Ainda bem.-Dizia mais feliz-Olha então e como é o aluno novo?
    Para ser sincera nem sei, acho que só uma palavra o descrevia neste momento, respondi olhado para o tal rapaz.
    -Calado!-Ele olhava para o chão, e de repente dá um sorriso,e olha para mim.
    Olhamo’nos por breves segundos, aquele olhar era perfeito, parecia que dizia algo. Nem sei.
    -Calado?-Perguntou’me Emmet,
    -Sim,
    -Bom ok. Se dizes-Disse rindo-Olha vou ter com a Elisabete e a Juanna queres vir?
    Não me apetecia mesmo nada, estáva cansada, só queria ir para casa e descansar.
    -Não me leves a mal, mas estou cançada, prefiro ir para casa.
    -Ok, Ok. Na boa. Então vemo’nos amanhã.
    -Ok. Até amanhã então.-Despedi’me, saindo da escola.

    Conteúdo patrocinado

    Re: Tu Pertences'me!

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Sab Out 21, 2017 9:37 am